Sábado, 26 de Julho de 2008

O meu grito do Ipiranga

 

Depois de se provar a independência, é impossível submetermo-nos ao controlo de outrém, sem experimentar aquele amargo sabor a servitude.

A regra é válida para todos os domínios... mas muito particularmente na relação pais & filhos.

Um dia serei mãe e, muito provavelmente, cometerei os mesmos erros que todas as mães. Mas no papel de filha, incomoda-me realmente o zelo excessivo da minha mãe, que de tão excessivo, às vezes roça o sufoco.

- Despacha-te, já estás atrasada!

- Se não descias tão cedo, já te ia chamar.

- Quando vais? Quando vens? Com quem vais? A que horas? Porquê? Onde?

- Queres que te prepare um lanche para levares amanhã? Não? Então o que é que vais comer? Mas não era melhor? Mas tens mesmo a certeza?

- Vais levar essa roupa? Mas não era melhor outro casaquinho? É mais quente, não vás tu apanhar frio...

 

blá blá blá blá blá blá blá

blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá

blá  blá blá blá bláblá blá blá blá blá blá blá blá

blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá bláblá blá blá blá

blá blá blá bláblá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá

bláblá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá blá bláblá blá blá blá blá blá blá blá ..............................

 

Sinto-me quase uma herege ao fazer este desabafo em surdina.

"Só o faço para te facilitar a vida!".

Bem sei que sim, mãezinha. Mas a verdade é que o instinto maternal às vezes parece deturpar a sua acuidade de discernimento: sou adulta, já provei que sou capaz de me desenrascar sozinha e, verdade seja dita...(é melhor não dizer...)...

 

Dá-me espaço... antes que eu sinta saudades do tempo em que vivi sozinha.

 

tags:
disparado por Luna às 09:38
link do post | disparar
2 comentários:
De Daniel a 27 de Julho de 2008 às 03:06
Mãe e pai é ser mesmo assim... vais ver que também vais gastar do mesmo! Para nós, os nossos filhos serão eternamente pequeninos (bem... por momentos senti-me um daqueles adultos birrentos:)

Beijos, abraços e... muita calma ;o)


De Isa a 29 de Julho de 2008 às 00:27
Vou recorrer ao tradicional: é normal!
Mantemos a secreta esperança que um dia se dêem conta que já não têm crianças em casa que dependem delas até para barrar manteiga no pão (embora de vez em quando até que nem sabe muito mal...), enquanto elas mantêm a secreta esperança de que um dia nos daremos conta que nos fazem muita falta e NUNCA lhes vamos largar a barra da saia...
Lá está! (Deve ser) É normal de parte a parte! ;)


Comentar post


.

online

.tags

. (f)utilidades(5)

. absurdos muito absurdos(3)

. boas ideias(11)

. calor(1)

. cenas giras(1)

. citações(1)

. coisas de mulher(1)

. coisas duvidosas(2)

. coisas minhas(12)

. coisas sérias(10)

. contingências(2)

. crises(13)

. crítica(9)

. de loucos(1)

. decisões(2)

. desabafos(3)

. despedidas(2)

. dias não(5)

. disparates(10)

. dúvidas(3)

. estados da alma(3)

. fases(1)

. filosofia(s) de vida(5)

. fragmentos(3)

. humor(1)

. males de amor(8)

. media(6)

. momentos(25)

. muito calor(1)

. música(10)

. on fire(1)

. on the road - the bowmans(1)

. opiniões(15)

. pensamentos(1)

. pensamentos e outros momentos(2)

. poesia(1)

. postais(1)

. re(in)gressos(1)

. recordações(3)

. revelações(2)

. saúde(1)

. shut! ;)(3)

. sonhos(1)

. sos(1)

. todas as tags

.Últimos disparos...

. Pílula do dia seguinte

. Claro mais claro não há

. Deu-me pro Folk

. The Bowmans

. Buzz Word II

. Buzz Word

. Proposta decente

. Aviso à população: edpide...

. A cavar a própria sepultu...

. Coisas que nos sucedem se...

. #ERROR#

. E não é que eu até gosto?...

. Não acredito, mas lá que ...

. Citação da Citação

. Down, down, down

.Arquivos

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

.Janeiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Ligações

.pesquisar